sábado, 24 de dezembro de 2011

O dia em que o Papai Noel morreu!

Venho informar a você Papai Noel que:
VOCÊ MORREU EM MEU CORAÇÃO!!!
Obrigado por todos estes anos ter me iludido com sua presença juntamente com seus ajudantes imaginários e com suas pobres renas escravizadas.
Eu sei que não ficarás triste, pois como você tem diversos admiradores, um a menos não fará falta, não é?!
O motivo é que eu finalmente consegui entender de quem eu devo lembrar neste dia 25 de Dezembro. E infelizmente Santa Claus, não é você... Mas sim o Mestre JESUS.
Como é que você pôde, durante tanto tempo e ainda no futuro, querer ofuscar a presença deste Aniversariante?
Ofuscar Aquele que deu o maior presente a todos nós nesta Terra, demonstrando Amor Puro?
Não seria muita petulância tomar o lugar Daquele que divisou o tempo da Humanidade?
Aquele que realmente plantou a mensagem de Amor que Deus nos enviou?
Velhinho, você é uma criação de uma marca poderosíssima no planeta, portanto uma criação HUMANA, que trata somente de presentes, ou seja, coisas materiais: consumir, consumir e consumir -> ILUSÃO!   #ficaadica
 Já o Mestre, trata das coisas do coração: Amor, Perdão, Esquecimento das Ofensas, Oração pelos Inimigos, Compaixão pelos mais Pobres, Alegria de Viver, Paz entre as Nações, Amizade Verdadeira, Verdade Religiosa... ou seja, é Mestre do nosso Espírito, é o nosso Pastor ao qual devemos atender o chamado.
É óbvio que é uma alegria imensa poder presentear os meus queridos, porém, isso não pode apagar o verdadeiro sentido do Natal onde o aniversariante é o próprio Cristo e não as outras pessoas... A bem da verdade, eu posso presenteá-las no dia em que EU bem quiser, fazendo Natal todos os dias do ano...
Mamón contemporâneo! Esta data não é sua e de tanto você se meter, olha só: temos shoppings centers abarrotados de pessoas procurando por consumismo exagerado, dando exemplos espetaculares de má-educação, avareza, indiferença, desrespeito e egoísmo; temos nossas praias todas, porque não dizer, emporcalhadas pelos exageros dos vícios de toda ordem daqueles que se comprazem em perder a razão.
Você traz uma felicidade mentirosa, que realmente não aquece as almas que se avolumam em desespero interior ante a frieza alheia. Você somente traz um Bezerro de Ouro e não o Caminho, a Verdade e a Vida.
Agora, te deixando de lado um pouquinho, como devemos então presentear o aniversariante? \o/
Muito simples, Ele mesmo disse: “Tudo o que fizeres aos meus pequeninos, é a mim que estarás fazendo”. Basta que olhemos para os nossos irmãos menos afortunados e que possamos lhes dar parte da nossa mesa farta com coisas deliciosas e ainda, o consolo da palavra viva do Cristo...
E é isso o que eu vou fazer... porque hoje tenho a coragem de me posicionar ao lado do Mestre. Obrigado a todos àqueles que me ajudaram a elevar meu pensamento e assim, poder presentear o Verdadeiro Aniversariante através de nossos irmãos necessitados.
Papai Noel, você não existe e não existirá para o meu filho... porque eu não vou mentir para ele sobre você. Eu vou contar a história mais linda que a humanidade já pode relatar e lhe ensinar, dentro das minhas possibilidades,  o primeiro e mais importante mandamento:
AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS E O PRÓXIMO COMO A TI MESMO

E já aproveita e avisa aquele teu brother, o Coelhinho da Páscoa, que ele é o próximo!
UM FELIZ NATAL!!!
(Inclusive para o Papai Noel, porque vai ter que treinar muita humildade ainda!)
Rodrigo Binhara

5 comentários:

  1. Rodrigo você falou tudo!! Sem mais a acrescentar!!
    Valeu!!

    ResponderExcluir
  2. Acredito fielmente, apesar de não parecer, que a cada fim de ano mais e mais pessoas simpatizam com essa mesma ideia!!
    JESUS DIVIDIU A HISTÓRIA!!!
    A UNICA COISA QUE O PAPAI NOEL DIVIDIU, FORAM OS PRESENTES ESCANDALOSOS QUE COMPRAMOS EM SEU NOME!

    ResponderExcluir
  3. Amigos,
    Obrigado pela visita e participação! \o/
    Continuaremos a erguer a bandeira do Cristo a qualquer tempo e oportunidade.
    Abrax!

    ResponderExcluir

Comente!!!